quinta-feira, 9 de fevereiro de 2012

O poema que eu quero escrever.

Eu queria escrever um poema que canta sozinho, que afina, que zomba, que chora e ri de si mesmo! Imagina usar palavras nunca antes lidas e o coitado revirar estômagos e roubar os sonos!! Eu queria escrever um poema persuasivo que fizesse minha garota esquecer que me esqueceu e que convencesse o mundo de que poesia salva. Eu queria escrever um poema tão longo que um suicida a pular da ponte esperasse o tempo exato do socorro para terminá-lo antes de partir. Eu queria escrever um poema tão intenso que até os desiludidos iriam sentir borboletas no estômago! Eu queria escrever um poema inesperado, desesperado e tão atrapalhado que ao dobrarem o papel pra fazer barquinho ele pintaria o mar de tinta e todo mundo ia pensar que é culpa de polvo. Eu queria escrever um poema que se espalhasse nos postes e árvores como anúncios e ninguém saberia quem os pôs lá. Eu queria escrever um poema ilusionista que hipnotizaria seus leitores e desapareceria na última linha - como truque final. Eu queria escrever um poema divino como presente de Deus que transparecesse a pureza dos ateus e calaria os gritos de julgamento. Eu queria escrever um poema que chorasse sozinho e o mundo inteiro sofreria com ele, mas, surpreendentemente, ele se faria riso e os maxilares não iriam se aguentar ilesos. Eu queria escrever um poema que deixasse o mundo em paz por uns segundos e os mendigos vagabundos iriam se fazer ricos, ricos de graça poética(!) pra enlouquecer até a sociedade cética.

4 comentários:

  1. Ainda sou muito jovem para entender que seja um pequeno pedaço do mundo, mas o pouquíssimo que sei me habilita e te dizer, que está a poucos passos desse feito tão esperado, pelo simples fato de ter escrito o poema que eu acabei de ler \0

    ResponderExcluir
  2. Ah, meu Deus, como você escreve bem! Estou aqui atônita porque esse poema soa tão... tão... certo. Tão digno.

    ResponderExcluir
  3. Sempre me apaixonei mais pelas tuas poesias... Agora estou em dúvida. Pois é. Melhor eu não perder muito tempo e ir imediatamente ler novamente.

    ResponderExcluir
  4. Ué, eu acho que você já o escreveu. Risos...

    ResponderExcluir

(Como eu estou escrevendo?) Acrescente suas ideias, estrelinha...